quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

aff

boa noite
depois de um dia de gente grande...

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

oi ai ai ai


dai-me o pé chauá chauá
currupaco coração
meu peito quase não bate
as asas arasta no chão
oi ai ai ai

tô no meio da tormenta
teu bico em meu bico não
oi ai ai ai

choro de toda mata ai ai ai
choro de cachoeira ai ai ai
chora todp amor
choro, pranto, choradeira
oi ai ai ai

como é triste toda a mata
meu pranto é todo por ti
se estou longe de você
não sei mais pra que nasci
oi ai ai ai
nem sei mais pra que viver
não sei pra que vida existir
oi ai ai ai

chuá - itaércio rocha

...pois é, hoje fui à oficina de musica de curitiba tietar. faço isso quase nunca. tenho ídolos mas não sou de ficar babando. mas... leonildo pereira é um caso à parte. fui lá ver o fandango. ouvir a rebequinha, o adulfe, a viola de zé pereira... bonita... assim como seu canto. lembrar das ruas de guaraqueçaba, da chuva, daquele mar manso... letárgico. eita pensamento... foi longe. num tempo distante. lembrei de mestre gabriel e a bandeira do divino e da manhã que à porta de seu quarto na pousada, chorei ao som da sua viola... ai como eu chorei... tanto quanto a chuva caía em guaraqueçaba. um dia quero voltar lá... nas lembranças um amor, uma viagem de barco, um canal, o mar batendo, uma lua cheia e a revoada dos chauás no fim de tarde. de volta pra ilha onde dormem. aos pares... às vezes não.
um versinho de dona durçolina, sobre quem um dia, aqui, vou escrever.

se eu soubesse de certeza
que tu me tinha amor
cairia no teu braço
como sereno na flor
versos de graciosa (tradicional) - durçolina eiglmeier




sem...


só melancias... as da velha não!!!

boa noite!

boa noite... o dia nem foi desses tão bons. mas já no começo da noite dava pra ver que tudo podia mudar. e mudou... obrigada chuva, por lavar e levar. água... eu pedi ela veio.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

prisão imaginária ou carceres...vik muniz

1, 2 ,3... quantos dias faltam pra ver minha terapeuta mesmo???

minha nova paixão: vik muniz


ou bem forma
ou bem nuvem
ou bem algodão...
mas nunca todas as coisas ao mesmo tempo...
vou aprendendo.

lava logo


mãe d'agua
sereia
odoiá
... lava logo isso tudo,
eu preciso de um pouco de paz.

Série "Iemanjá" 02
Cecilia Panipucci / 2009
Batik javanês sobre shantung de seda
1,50 x 1,07

mãe d'água
sereia
odoiá

désopiler


viver é que nem andar de bicicleta. se parar cai.
lisbela e o prisioneiro

... e eu, que nem andar sei... de bicicleta

pra lembrar... ceumar!

Flower não é flor
Mas eu te dou meu amor,
little flower
Sete cravos, sete rosas,
liro-liro lê, liro-liro lá
Girândolas, girândolas

Give me your love
Love me alive
Leve me leve

Nas asas da borboleta leta
Que borbole bole - bole
Sol que girassole,
Sole mio amore

Flore me now and forever
Never more flores
Never more flores

cantiga - zeca baleiro

passando a limpo...

colocando os pingos nos is... ou seria nos jotas?
já deu!

sábado, 23 de janeiro de 2010

colocando a cabeça em ordem... uia, que medo!!!

foto: luna

sábado de tempo curitibano. vc sabe o que é isso? precisa passar por aqui então. engraçado pois ele não é triste, mas tb nada tem de alegre... um sábado comum. salvo pela visita do Léo de Brasilia e seu amigo Josué. no som Chico Buarque e seu carioca... carioca. minha ultima viagem foi engraçada... cariocas. cariocas são alegres, são bacanas... avançam sinal fechado... não param no ponto... cobram mais cervejas, mas pelo menos ela é gelada. o rio é um lugar pra se retornar quando feliz... é todo pra fora. se tá mal... foge do rio. ele exige muito de vc. 100% de atenção sobre sua beleza, sua graça... " rio, em tempo de estio, eu quero tuas meninas". tá ae... esse tipo de beleza no rio é phodda... beleza humana... homens e mulheres... até quando é feio, carioca é bonito... tem charme... sei lá. sou carioca... acho que tendenciosa. mas só pq na viagem constatei que me acostumei com essa vidinha pacata de curitiba... seu clima... o rio tá lá, lindo... mas eu tô devagar com sua beleza... as paineiras... maravilhoso, a vista lá de cima... mas a mafia de taxi, guardador, van que circunda o pé do corcovado, que é na entrada da estrada das paineiras, é um grande LIXO no rio... o turismo predatório, é um LIxo no rio... a prefeitura e seu choque de ordem é um LIXO no rio... o turista sexual, é um LIXO no rio. santa teresa e a lei do silencio associada a exploração imobiliaria e aqueles turistas querendo ouvir um "sambinha" é um grande LIXO no rio. mas santa tem aquela vendinha, onde é proibido tirar foto... e aquela velha portuguesa me vendeu uma melancia estragada... hahaha só pra mim, cair em lábia de português no rio de janeiro... a própria colonizada... que horror.
mas nada como o "sagrado Gohan", as paineiras, o almoço com a irmã e o sobrinho, o cheirinho do galeto do gargalo, a casa do amigo de onde, da varanda, da pra ver o bonde, a lua, os telhados, os fogos... a mesinha "especial" do mineiro, o bate entope do café da manhã com joelho e suco de manga... ai, o sorvete de manga do Itália... tb com o preço, tem que ser bom pra... melhor. o almoço na casa da socorro, os amigos que lá encontrei. as horas passadas com celita... e seu carinho e de seus filhotes... a lembrança, boa lembrança de seu querido companheiro Lula Dimorais... o poeta. a marla, o marcelo... o chicão, o pequeno. as lembranças da casa de rui barbosa, onde eu brincava e depois passeava com o binho e o gui que ja são homens de 30 e 28 anos... o bairro. a vendinha que hj é um mercado... a familia. o natal... hohohoho!!! ... atarde de praia com chuva, a cerveja no copanema... divisa de copa e ipanema... carioca.
os dias maravilhosos... não posso esquece-los.
de volta a curitiba... agradece, agradece.
désopiler

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

vermelho terracota...

o por do sol
vai renovar
brilhar de novo o seu sorriso
e libertar da areia preta
e do arco-iris cor de sangue
cor de sangue, cor de sangue...
o beijo meu
vem com melado
decorado cor de rosa
o sonho seu vem dos lugares mais distantes
terra dos gigantes
super-homem, super mosca,
super carioca...
super eu
super EU

magrelinha - melodia



terça-feira, 19 de janeiro de 2010

as amigdalas do king crimson...lembra?


de volta... com muitas coisas pra falar...mas nada que nesse momento consiga dizer.
24h de febre alta e amigdalas inflamadas... o que eu quero dizer...
feliz ano novo, feliz!!!
désopiler